5 peças clássicas para ter no guarda-roupa e o que elas podem fazer pelo seu estilo

A blogueira fashionista Helena Lunardelli adora compartilhar suas dicas de estilo na hora de fazer compras. E, como toda mulher adora renovar as roupas do closet, novas tendências não param de surgir a cada estação exigindo sempre uma novidade a mais no guarda-roupa. Entretanto, ter algumas peças clássicas e curingas ajuda sempre a garantir o look adequado seja qual for a ocasião, facilitando variedades de produção e combinações.

Curingas: peças de roupa que compõem qualquer estilo

A seguir, conheça cinco roupas que ajudam a criar diversas produções e desde sempre têm o visual clássico.

1. Camisa Branca

A camisa branca é atemporal e combina com todos os estilos. A peça é clássica é ótima opção no guarda-roupa de qualquer mulher, independente de idade ou gosto. Na hora de compor o visual, ela passa a imagem de sofisticação e elegância.

2. Blazer preto

A peça demonstra confiança e seriedade. O blazer preto é uma peça curinga no closet feminino, pois pode ser desde a salvação de um look para reunião de última hora até a “capa” perfeita, que agrega sobriedade na medida certa ao evento social noturno. Ou seja, é uma peça-chave que combina com todas as estações e diversas ocasiões, inclusive, as mais informais.

3. Calça jeans

Por ser a peça a mais vendida do mundo, das pessoas mais jovens às mais maduras, todas têm e gostam de usar a calça jeans que é a roupa que mais combina com diversos looks e ocasiões. Para ter um par versátil e “democrático” da boa e velha calça jeans, escolha uma opção lisa, sem detalhes, e com corte tradicion

4. Scarpin preto

Não há mulher que não ame um scarpin, o calçado queridinho das fashionistas que é sinônimo de feminilidade. O clássico modelo preto de saltos altos nunca sai de moda e pode ser usado com quase tudo: vestido, calça, bermuda, saia, shorts e até leggings.

5. Sandália nude

É uma opção de calçado discreta, que combina com todo tipo de look e, mais que isso, sem ofuscar, sobrecarregar ou destoar do resto do visual. O que define o sapato tom de pele é sua versatilidade.

Vimos em vix

Falando sobre isso

Leave a Reply