A pele desse bebê negligenciado saiu quando eles tiraram seus sapatos. O casal não teve outra alternativa a não ser fazer isso.

As perspectivas de futuro são geralmente sombrias para os filhos de famílias desabrigadas. Seus pais podem ser impossibilitados de mostrar a eles o que é uma vida “normal”, com uma casa, trabalho, lazer e amigos. Para essas duas crianças pobres de Pasco County, na Flórida, EUA, a vida também começou bastante desesperançosa. Elas viviam com seus pais, que são viciados em drogas, em uma pequena barraca em um bosque, atrás de uma igreja.

Pasco County também era o lar de Kirsten e Ronnie Stewart e seus três filhos. Na verdade, Ronnie era pastor da igreja, onde Kirsten também trabalhava. Um dia, saindo do trabalho, eles encontraram dois meninos absurdamente despenteados e magros, sentados entre sacos de lixo: um tinha dois anos, o outro apenas sete meses. Eles estavam vestindo nada além de fraldas. Kirsten e Ronnie se deram conta de que eles eram os filhos de um casal que sempre ia para o sopão grátis da igreja.

Kristen relembra o estado dos meninos quando a família os encontrou: “Eles estavam cobertos de picadas de insetos, da cabeça aos pés. Eles estavam tão imundos, que nós tivemos que dar banho neles, secá-los, e dar banho novamente, duas vezes. A criança que estava calçada não estava usando meia. Quando nós tiramos o sapato dele, a pele sensível em seu peito do pé se soltou.”

Esse casal, que teve empatia pelos meninos, não podia apenas assistir de camarote enquanto os pequenos ficavam largados sem a supervisão de um adulto. Eles se sentiram na obrigação de ajudá-los. Ronnie procurou os pais deles e perguntou se poderia levar as crianças para casa com ele por uma noite, simplesmente oferecendo um teto quente e boa comida. Os pais dos dois meninos concordaram imediatamente.

Ronnie e Kristen devolveram os meninos para seus pais na manhã seguinte, como foi combinado. No dia seguinte, quando eles estavam saindo para a igreja novamente, os pais dos meninos inesperadamente foram até eles. Eles estavam com uma assistente social, que estava ciente da falta de cuidado, e queria tirar as crianças deles. Mas, para proteger a privacidade das crianças, os Stewarts não revelaram todos os detalhes do caso.

Os pais biológicos dos meninos queriam garantir a todo custo que seus filhos não terminassem em um lar temporário com desconhecidos. Então eles perguntaram a Kirsten e Ronnie se eles poderiam tomar conta dos meninos novamente por alguns dias, até que a família tivesse uma solução a longo prazo. Mesmo já tendo três filhos, os Stewarts disseram sim.

Originalmente, Kirsten e Ronnie queriam ter mais filhos. Mas, literalmente, seis semanas antes de encontrarem esses dois meninos, Kristen soube que não poderia ficar grávida de novo. Agora, os pequenos já estão vivendo com eles há um ano, e os Stewarts conseguiram arrecadar quatro vezes mais do que o pedido de doações que eles fizeram no Gofundme para adotá-los oficialmente, com total consentimento dos pais biológicos! Para Kristen e Ronnie, encontrar essas crianças carentes pareceu um sinal de que, afinal de contas, eles deveriam ter mais filhos.

Uma grande quantidade de pessoas se uniu para tornar possível financeiramente o pagamento do processo legal e das taxas de adoção.

Os meninos saíram da situação mais dolorosa de falta de cuidados para estarem rodeados de pessoas amorosas e cuidadosas, em uma das melhores reviravoltas que se pode imaginar! Que família de coração enorme! E os meninos, agora saudáveis, estão radiantes com sua recém encontrada felicidade.

Este é um site de noticias,curiosidades e tratamentos,ele não substitui um especialista.Consulte sempre seu médico.

Falando sobre isso

Leave a Reply