Pílula anticoncepcional mancha a pele do rosto? Por quê? Saiba como tratar

Algumas alterações hormonais que ocorrem durante a vida podem predispor o aparecimento de manchas no rosto. Entre elas está o início da tomada da pílula anticoncepcional. Entenda por que isso acontece e como tratar.

Pílula anticoncepcional mancha a pele do rosto? Por quê?

A dermatologista Samantha Enande, especialista em dermatologia estética, explica que a dose de hormônio dos anticoncepcionais é muito pequena o que torna o surgimento de manchas mais raro. No entanto, mesmo a quantidade reduzida pode desencadear as marcas em mulheres com predisposição genética para elas.

“O que determina o aparecimento da mancha é a conjunção de três fatores: a predisposição genética, a questão hormonal – um anticoncepcional, um dos hormônios da gravidez ou as alterações hormonais que acontecem na menopausa – e o terceiro fator é o sol”, conta a especialista.

Esses três elementos estimulam os melanócitos da pele a produzir uma maior quantidade de pigmentos, dando origem ao melasma, uma mancha marrom em formato de nuvem que costuma aparecer em qualquer parte do rosto, mas mais frequentemente no buço, testa e bochechas.

THINKSTOCK

1 / 6
Com conhecimento e orientação do seu ginecologista, interrompa o uso do anticoncepcional que está causando a mancha e passe a tomar outro tipo de hormônio.
THINKSTOCK

2 / 6
O protetor solar deverá se tornar indispensável e a exposição ao sol evitada entre as 10 e 16 horas.
THINKSTOCK

3 / 6
O dermatologista poderá recomendar substâncias clareadoras, como a hidroquinona, vitamina C e ácido kójico.
THINKSTOCK

5 / 6
Peelings feitos com ácido podem ajudar a remover a melanina depositada na pele.
THINKSTOCK

6 / 6
O laser é um bom coadjuvante ao tratamento com cremes.

Falando sobre isso

Leave a Reply