Como seu corpo funciona em cada etapa do dia: ao acordar, trabalhar, paquerar e mais

Acordar, fazer exercícios, trabalhar, paquerar e muito mais. Sua força de vontade não é o único fator que te faz encarar todas essas atividades. Seu corpo também é inteligente e te prepara para as tarefas do dia a dia. O canal Asap Science produziu um vídeo para demonstrar o que acontece por dentro, enquanto, aqui fora, você segue sua rotina.

O que acontece com o seu corpo durante 24 horas

Hora de acordar

Quando o alarme toca, você está no chamado estado hipnopômpico, o meio do caminho entre o sono e o despertar total. A desorientação, chamada de inércia do sono, vai passar em aproximadamente 10 minutos. A temperatura corporal ainda está baixa, mas a pressão arterial já está subindo. O cortisol, o hormônio do estresse, aumenta seus níveis em 50% para te acordar e preparar para o dia.

No meio da manhã

A maioria das pessoas fica mais atenta entre duas horas e meia e quatro horas depois de acordar. A memória é afetada com o correr do dia. De manhã, esquecemos cerca de 5 fatos que aprendemos, número que sobe para 14 durante a tarde. Para jovens adultos, o processo é inverso: durante a tarde a atenção é maior.

Almoço

Seu estômago é capaz de se dilatar para receber o alimento, o que causa um pico de energia. Para jogar a glicose ingerida para dentro das células, o corpo precisa liberar uma grande quantidade de insulina. Um dos efeitos das grandes quantidades de insulina, que diminui a glicemia no sangue, é a sonolência comum depois do almoço.

No meio da tarde

O melhor horário para fazer exercícios é às 16:30. Isso porque a temperatura do corpo está alta e seus músculos estão até 20% mais fortes. Os pulmões ficam mais arejados e a capacidade cardíaca está aumentada.

Depois do trabalho

O corpo fica mais tolerante aos efeitos do álcool às 6 da tarde, o que faz do happy hour um evento cronologicamente perfeito.

A paquera também mexe com o corpo ou será o corpo que mexe com a paquera? Estudo mostram que os homens tendem a achar as mulheres que estão ovulando mais atraentes e, conforme o possível casal se aproxima, as glândulas sebáceas liberam feromônios, substâncias que influenciam as reações específicas entre indivíduos.

Antes de dormir

Onze da noite é o horário em que as pessoas mais fazem sexo, mas seu corpo não pensa bem assim. Os níveis de testosterona são menores durante noite, atingindo o pico às 8 da manhã. O sêmen, por sua vez, tem sua melhor qualidade à tarde.

Enquanto você dorme

A glândula pineal, que fica no cérebro, libera o hormônio melatonina, que estimula o sono. Enquanto você adormece, as ondas cerebrais mudam de frequência até chegar ao sono REM (do inglês Rapid Eye Movement – movimento rápido dos olhos), a fase mais profunda do sono.

Esse estágio tem duração aproximada de uma hora e meia a 2 horas por noite e é quando seus sonhos são mais vívidos e intensos. No total, você passa cerca de 6 anos da sua vida sonhando intensamente.

De acordo com estudos, é a queda de neurotransmissores como histamina, serotonina e noradrenalina que faz com que toda a noção de tempo e a razão seja perdida e que os sonhos sejam loucos.

Durante a noite você acorda de 200 a 1000 vezes por noite, mas a maioria desses despertares dura poucos segundos.

Vimos em: bolsademulher.com

Falando sobre isso

Leave a Reply