Dormir com absorvente interno faz mal ou é liberado pelos médicos?

Algumas mulheres gostam de usar absorvente interno para dormir. Mas será que a prática faz mal? O ginecologista e obstetra Antonio Paulo Stockler, membro da Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Rio de Janeiro (Sgorj), diz que não. “A mulher pode usar um absorvente a noite toda sem trocar, não há problema”, afirma.

Riscos de usar absorvente interno por muito tempo

Esses cuidados são importantes, pois o uso prolongado do absorvente interno pode ocasionar sérios riscos, favorecendo a proliferação de bactérias e causando até mesmo doenças graves, como a Síndrome do Choque Tóxico (SCT). Por isso é fundamental trocá-lo sempre que necessário.

De quanto em quanto tempo trocar?

De acordo com o médico, o período máximo para trocar o absorvente interno varia de duas a quatro horas, dependendo do fluxo de cada mulher e também do tamanho do objeto. “Nas mulheres que menstruam muito, o absorvente vai saturar em menos tempo e precisará ser trocado mais rápido. E os do tipo mini não podem ficar tanto tempo”, diz.

Pode dormir com absorvente interno?

Para não ter nenhum problema, o médico o orienta escolher um absorvente que seja apropriado, ou seja, que tenha uma capacidade maior de absorver o fluxo durante o período noturno sem que haja vazamentos. Outra dica do médico é colocar um novo logo antes de dormir e outro assim que acordar.

Vimos em http://www.bolsademulher.com

Falando sobre isso

Leave a Reply