Duas mulheres encontraram um saco plástico que emanava um cheiro podre. Quando elas abriram, ficaram CHOCADAS!

Emilia Lucchese e Enrica Bianchi estavam fazendo trilha no sul da Itália quando viram um saco plástico preto que parecia estar se mexendo. Intrigadas, elas chegaram mais perto e, apesar do cheiro insuportável, decidiram abri-lo. Que choque! O que elas viram lá dentro ia além de qualquer coisa que elas pudessem ter imaginado.

Era uma cachorra, abandonada e na pior condição. Suas pernas estavam amarradas com fios e vermes estavam comendo seu corpo. O pobre animal estava em estado de choque, completamente traumatizado.

As duas mulheres imediatamente a chamaram de Oliveira e a levaram ao veterinário, que se deu conta de que as duas patas traseiras dela estavam paralisadas.

Quem faria algo assim com um cachorro? A equipe de veterinários cuidou muito bem dela para que ela se sentisse melhor. Ela até começou a abanar o rabo novamente!

Que sorte que Oliveira estava no caminho de suas salvadoras. Agora elas a adotaram e ela está feliz de novo. Ela ainda não pode andar perfeitamente, mas pelo menos ela está em uma família amorosa. Todos que ouvem essa história ficam comovidos e prontos para lutar por ela. Angela Biondo, uma voluntária, começou uma campanha de arrecadação para pagar os tratamentos médicos de Oliveira. A polícia está procurando pelo criminoso que fez isso com ela.

Mas o mais importante é que Oliveira está bem agora. As duas amigas conseguiram superar sua apreensão e ajudar uma cadelinha que precisava muito. Apesar do horror pelo qual passou, Oliveira agora tem uma segunda chance de ser feliz!

Este é um site,de noticias,curiosidades e tratamentos,ele não substitui um especialista.Consulte sempre seu médico.

Falando sobre isso

Leave a Reply