Ela enviou uma mensagem no Facebook para o homem errado, então ele foi à sua procura e o inesperado aconteceu

Deus tem seus próprios caminhos e até nossos enganos podem nos beneficiar. Essa mulher descobriu isso.

  • Uma enfermeira de Wisconsin, Estados Unidos, estava desesperada com a própria situação; desempregada, sem casa e com três crianças, Amy Rickel, resolveu mudar-se para ficar mais perto do pai de seus filhos e, com a mudança, acabou por ficar sem um lar e sem trabalho.

    Sem ter onde morar alugaram um quarto de hotel, porém, ela se desesperava por ver suas finanças escorrerem por entre seus dedos e o carro da família parar de funcionar, contou ela ao 9News.

    Sem alento, ela mandou um recado no Facebook para um amigo pedindo ajuda e que este orasse por ela e por sua situação. Após enviar a mensagem, ela se deu conta de que havia enviado para a pessoa errada. Outro homem com o mesmo nome de seu amigo: Brian Van Boxtel.

    Estava próximo o último Natal do último ano, que coincide com o inverno no hemisfério norte, e Amy temia acabar ficando na rua com seus filhos. Ela não imaginava que, ao errar, fez a coisa certa e um milagre de Natal estava a caminho. O Senhor Boxtel – leu seu recado e o respondeu dizendo que iria visitá-la e pagar as despesas com o quarto de hotel.

  • O que Jesus faria?

    Segundo Brian Boxtel, uma única pergunta o movia em direção a fazer algo por Amy: “O que Jesus faria? ”

    Ainda existem muitos “bons samaritanos” no mundo, e segundo Brian Boxtel, alguns estão em um site chamado “GofundMe”, uma expressão da língua inglesa que significa “me financie”, mas que poderia ser traduzida livremente como “me ajude aí…”

    Brian convenceu Amy a fazer uma conta no GofundMe e logo os samaritanos começaram a surgir.

    Katty Schumann ofereceu uma minivan de sua propriedade para que Amy e a família pudessem se locomover, porque segundo Katty, “Amy tocou nossos corações”. E não foi só isso. Ela disponibilizou um quarto em sua própria casa para Amy e seus filhos. A razão, segundo Katty, é simples: “nessa época tão fria e festiva não poderíamos deixar essas crianças ao relento. Por isso, desocupamos um quarto e os trouxemos para casa.”

    Chad Morack, outro bom samaritano, ajudou-a a encontrar um novo emprego, encaminhando-a a Alexandria Witowski para uma entrevista que ajudou a conseguir um emprego de tempo integral. Ela começou em janeiro deste ano.

    Amy sabe que ainda há muito o que fazer, mas com essa ajuda inicial ela já está bastante impressionada e grata, como ela contou ao 9News:

    “Eu ainda não consigo acreditar. Tudo isso ajudou a restaurar não apenas a minha fé na humanidade, mas minha fé em Deus.” Disse ela.

Vimos em familia.com.br

Falando sobre isso

Leave a Reply