Esta mãe publica na internet uma foto de calcinha. 7 horas depois, ela desencadeia uma avalanche.

A australiana Mel Rymill acabou de virar mãe e resolveu se matricular numa academia para tentar recuperar sua forma após a gravidez. Entretanto, o que ela vivenciou a levou a publicar este post irritado no Facebook. O resultado? Ela acabou atraindo a atenção do mundo todo.

So I had my first session with a PT today and the first thing she said to me was "Obviously you want to get back to your…

Publicado por Mel Rymill em Quinta, 19 de novembro de 2015

Veja o que ela escreveu:

“Então, eu hoje tive a minha primeira sessão com uma ‘personal trainer’ e a primeira coisa queela me disse foi ‘Obviamente, você quer voltar para o seu peso pré-gravidez’. Não era uma pergunta, era uma afirmação.

E isso me irritou!

Eu a corrigi muito bem, simplesmente dizendo ‘meu objetivo é recuperar a minha força muscular e resistência… Eu não estou preocupada com a aparência do meu corpo, apenas com seu funcionamento… Pode ser difícil’.

Mas isso me fez pensar. Todos dizem para as mulheres que acabaram de parir que elas ficarão bonitas outra vez quando recuperarem a forma, fazendo com que elas acreditem que  enquanto estiverem acima do peso, elas são mulheres feias. As magras são invejadas por sua falta de gordura ou são o foco de comentários por estarem se forçando a ‘passar fome’. Mulheres voluptuosas ou são rotuladas de gordas, ou são consideradas guerreiras por se sentirem confortáveis em sua própria pele. Existe sempre a pressão.

Ninguém está confortável na própria pele 100% do tempo. Classificar constantemente as pessoas com base nestes rótulos é prejudicial para todos … incluindo aqueles que fazem essa rotulagem.

Deveríamos nos preocupar com o bem estar das pessoas, e não com sua aparência.

Então, aqui estou eu. Eu posso não estar pronta para ser uma capa de revista, minha calcinha e sutiã de vovó certamente não irão desfilar por nenhuma passarela, meu cabelo está oleoso, estou sem nenhuma maquiagem, meu corpo está flácido e rechonchudo, eu nem tenho certeza de que estou totalmente bem.

Mas eu sou forte. Meu corpo é saudável.

Que inferno, eu sou foda!

Que se dane o que a sociedade quer de mim. Isto é o que eu ofereço.”

Publicado por Mel Rymill em Sábado, 17 de outubro de 2015

Em apenas 7 horas, esta mensagem foi compartilhada mais de 7.000 vezes mesmo que a foto tenha sido removida por um curto período de tempo, porque alguém a acusou de estar indocontra a diretrizes de nudez do Facebook. Risível”, comentou Mel sobre disso, o que estou usando aqui é maior do que o meu biquini!”.

No entanto, os usuários do Facebook ao redor do mundo estão elogiando Mel por suas ações esuas palavras. A australiana também convidou outras mulheres para se rebelarem contra a pressão dos tamanhos das roupas, postando fotos semelhantes de si mesmas só de calcinha e sutiã. Centenas de mulheres já responderam ao seu apelo.

Mel Rymill nunca pensou que seu discurso no Facebook iria se tornar viral, mas achaassutadoramente encorajador que tantas mulheres exibam publicamente seus corpos com tanto orgulho, mesmo com seus supostos ‘defeitos’. Não se trata de saber se você é grande,pequena, fofa, ossuda…”, escreveu ela. Trata-se apenas de mudar o mundo em que vivemos, inundando-o com corpos reais, ou melhor, PESSOAS REAIS.

Publicado por Mel Rymill em Segunda, 16 de novembro de 2015

Mel Rymill acredita que ninguém deve deixar que outros ditem como seu corpo deve ser. E por esta causa, ela tirou a roupa.

Vimos em naoacredito.com.br

Falando sobre isso

Leave a Reply