Mel com açúcar para esfoliar a pele faz mal. Dermatologista ensina a fórmula certa

Mais do que um ingrediente na cozinha, o mel é um poderoso cosmético e grande aliado para a sua beleza, deixando o cabelo com brilho, a pele macia e a cutícula hidratada. Para melhorar o aspecto da pele e se livrar dos temidos acnes, o esfoliante de mel com açúcar é a aposta de algumas mulheres, mas, segundo a dermatologista Dra. Valéria Campos, o açúcar pode fazer mal e deve ser substituído por outro ingrediente.

Esfoliação com açúcar faz mal? 

“O açúcar, por ser um grão maior, é mais agressivo, por isso eu indico substitui-lo pelo fubá, pois tem o mesmo efeito e não agride a pele”, afirma a especialista, que explica também que a agressão provocada pelo açúcar inflama a pele e pode causar manchas.

Segundo a médica, o açúcar pode ser usado como esfoliante em partes do corpo que não sejam tão sensíveis quanto o rosto, como o cotovelo e os pés.

Contudo, o fubá também não melhora a pele. O mel é que é o responsável pelas propriedades hidratantes, calmantes e antissépticas e diminui inflamações, ajudando a retirar células mortas do rosto e a diminuir acnes. “O fubá e o açúcar não têm benefícios para a pele, pois não penetram, apenas ajudam na limpeza”, explica.

mel-acucar

Como fazer

Para quem tem a pele seca, a dermatologista recomenda fazer a esfoliação todo dia, e para quem tem a pele mais fina e oleosa ela indica esfoliar entre 1 a 2 vezes por semana.

Ingredientes

  • 3 colheres (sopa) de mel
  • 1 colhar (sopa) rasa de fubá

Modo de preparo

Misture os dois ingredientes, e aplique delicadamente no rosto, massageando em movimentos circulares e deixe por 20 minutos para agir. Em seguida, enxágue com água.

Falando sobre isso

Leave a Reply