Morte de criança alerta pais para os perigos do colar de âmbar

Faz um tempo que eu comprei o colar de âmbar para a minha filha mais nova. Nas redes sociais, mães curiosas me questionavam o que era aquele colar bonitinho no pescoço da Alice e para que ele servia. Entre tantas perguntas, recebi um direct me alertando sobre os perigos. A pediatra, que me enviou esse recado, não sabia da existência de um colar que promete amenizar as dores e inflamações do corpo, mas foi enfática e me dizer que o risco não compensava a tentativa de amenizar dores.

O âmbar é uma resina vegetal que se tornou fóssil há aproximadamente 50 milhões de anos. Estudos afirmam que esse composto químico fortalece o sistema imunológico, estimula o sistema nervoso e melhora a atividade metabólica. Por isso, o âmbar atuaria como analgésico e anti-inflamatório natural, atualmente muito usado durante a fase de dentição, já que promete aliviar dores e desconfortos como inchaço da gengiva e febre.

Enquanto muitas mães dizem que o colar funciona, os especialistas afirmam que não existe nenhuma pesquisa científica que comprova a sua eficácia e ainda alertam: qualquer tipo de cordão pode causar morte por asfixia e sufocamento.

MORTE NA CALIFÓRNIA

image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E infelizmente, foi isso que aconteceu com um bebê de apenas 1 ano e 6 meses, em Fontana, estado da Califórnia. A criança, dormia na creche quando se asfixiou com o próprio colar de âmbar. O menino chegou a ser socorrido e passou 5 dias hospitalizado, mas não resistiu

SOLUÇÃO

image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se você é adepta ao âmbar e acredita na sua eficácia, vale a pena investir na tornozeleira ou pulseira da pedra. Aqui, não nos adaptamos ao colar, não acreditamos na eficácia do mesmo (já que ele não mudou em nada os nossos árduos sintomas da dentição) e nunca deixamos Alice dormir sem supervisão com o colar, graças a pediatra que me alertou sobre os perigos de asfixia. Vale a pena ressaltar que a sociedade Brasileira de Pediatria desaconselha o uso de qualquer tipo de cordão em bebês e crianças.

Cada experiência é única, então se você acredita e confia na eficácia do colar de âmbar, se certifique que o seu filho não corre risco de sofrer asfixia ou, durante as sonecas e noites, retire o mesmo para assegurar que ele não sofra um acidente.

Vimos em maezice.com.br

Falando sobre isso

Leave a Reply