O incrível “Homem Árvore” de Bangladesh tem suas mãos de volta

O “homem árvore” não existe mais. Graças a algumas cirurgias inovadoras, ele pode voltar a ser Abul Bajandar, um pai de 27 anos de idade e marido, habitante de uma pequena cidade em Bangladesh

Bajandar sofria de uma condição rara que fez com que suas mãos germinassem verrugas semelhantes a árvores. Ele viveu com esse problema por anos antes de começar a cirurgia para remover todos as proliferações em fevereiro do ano passado (2016).

screenshot_15

Ano passado

Desde então, ele teve que encarar 16 procedimentos para restaurar suas mãos, e ainda passará por mais alguns antes de ser liberado do hospital em janeiro ou fevereiro de 2017.
O Dr. Samanta Lal Sen, cirurgião plástico, chefe no Dhaka Medical College Hospital, disse a imprensa que Abul está em “muito boa forma” agora, e pode comer e escrever usando suas próprias mãos. Os procedimentos adicionais, disse ele, são mais para “embelezamento”.

screenshot_18

Depois de muitas cirurgias, Abul está quase lá

Uma vida quase roubada por uma doença curiosa
Bajandar sofria de epidermodisplasia verruciforme, uma doença tão rara que só houve um pequeno número de casos relatados em todo o mundo. É causada principalmente por um defeito no sistema imunológico que aumenta a suscetibilidade ao HPV, ou vírus do papiloma humano.

rickshaw-image

Exemplo de rickshaw
rickshaw-01

Exemplo de rickshaw mais simples

O dr. Lal Sen disse que Bajandar percebeu, pela primeira vez as lesões, quando tinha 10 anos. Com o passar do tempo, o crescimento abrangeu completamente as mãos, roubando sua vida como piloto de rickshaw (transporte comum nos países do sudeste asiático) e tornando-o tema de notícias internacionais.

Antes da cirurgia, Bajandra não podia comer, beber, nem sequer, escovar os dentes ou tomar banho sozinho. A única coisa que podia fazer era coçar seu pescoço.
Em um relato emocionante antes das cirurgias, Abul disse: “Eu quero viver como uma pessoa normal, eu só quero ser capaz de segurar minha filha corretamente e abraçá-la”.

 

Este é um site de noticias, curiosidades e tratamentos, ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Falando sobre isso

Leave a Reply