Pai Solteiro Cria Filha de 1 Mês Abandonada Pela Mãe

Em janeiro de 2015, Richard Johnson, 21, deu boas vindas a sua filha Persephone. Dentro de um mês a mãe dela o deixou e fugiu com Persephone para a California. Ela rapidamente mudou de ideia, ameaçando colocar Persephone para adoção se Richard não fosse lá buscar a bebê. Richard entrou imediatamente em um avião e trouxe sua filha para casa com ele — mas logo logo a realidade começou a bater à porta.

Após a partida inesperada da mãe — a qual ele diz ser resultado de uma depressão pós parto — Richard foi jogado em direção ao desconhecido. Ele se deu conta do quão despreparado era para criar uma criança sozinho. Sozinho, deprimido e apavorado, Richard tropeçou em um grupo do Facebook chamado “Vida de Pai”, o que mostrou a ele que haviam outros homens por aí vivendo na mesma condição que ele — e que era possível dar certo como um jovem pai solteiro.

Richard deu uma reviravolta completa, salvando assim a vida de sua filha. Ele recentemente compartilhou sua história com o grupo “Vida de Pai”, que acabou compartilhando com seus seguidores. A carta online de Richard viralizou consideravelmente, inspirando a milhões de pessoas ao redor do mundo.

Espere até ver a mensagem dele para o mundo…

12227679_10153642138471427_5974474689436367902_n-600x600

Vida de pai,

Meu nome é Richard Johnson, sou pai solteiro de uma menininha linda com o nome de Persephone. Sua mãe decidiu ir embora aproximadamente um mês após seu nascimento. Ainda não sabemos bem o motivo, mas suspeitamos que a depressão pós parto teve participação. Nas primeiras semanas em que estivemos apenas eu e ela, eu acabei me deparando com a página por acidente. Eu estava com tanto medo sobre ser pai no geral, mas agora eu era pai solteiro e tinha que desempenhar o papel de dois. Não tinha certeza se iria conseguir.”

12196084_10153641487446427_2485537343243466032_n-600x600

Eu tinha todos os livros para ‘pais de primeira viagem’ que poderia encontrar e acumulei mais de 1.000 horas de vídeos de youtube sobre todos os assuntos, desde como fazer tranças e pintar unhas até às mais diversas teorias de como lidar com problemas parentais comuns. Então comecei a acompanhar a página de vocês mais de perto e percebi que haviam outros pais em situações parecidas à minha.”

2E62119200000578-3315771-image-a-11_1447350584370-600x585

A página acabou sendo um grande motivador pra mim e me ajudou a passar por tudo isso.”

2E62116700000578-3315771-image-a-8_1447350533164-600x564

Estamos bem felizes hoje e continuamos a crescer juntos todos os dias. Ela agora tem 10 meses de idade e eu agora dou conselhos a amigos sobre como ser um bom pai constantemente. Percorremos um longo caminho, minha filha e eu, definitivamente devemos parte disso a esta página e às pessoas presentes nela. Então, de nós dois, aqui vai o nosso muito obrigado.”De CORAÇÃO;

Este é um site de noticias,tratamentos e curiosidades,ele não substitui um especialista.Consulte sempre seu médico.

Salvar

Falando sobre isso

Leave a Reply