Papinha de abacate PODEROSA vai te deixar saciada por horas e queimando gordura

Carol Magalhães compartilha grande parte da sua rotina no Instagram, e uma das questões que chamam mais atenção é o cuidado que a modelo tem com a alimentação para manter o corpo sequinho. Em recente entrevista ao site Ego, ela afirmou que, muitas vezes, combinar frutas com leite é um erro, e que, para evitar o deslize, é preciso saber combinar os ingredientes. E, como suas dicas são postas em prática, uma das bebidas em que ela aposta no pré-treino é a vitamina de abacate com óleo de coco e mel. Aliados, os nutrientes fornecem energia, estimulam a queima de gordura e aumentam a sensação de saciedade.

Abacate engorda?

De acordo com Cyntia Bassi, nutricionista do Hospital e Maternidade São Cristóvão, embora seja uma fruta bastante calórica, o abacate é rico em fibras, antioxidantes e gorduras do bem, nutrientes que, juntos, aumentam a sensação de saciedade, combatem radicais livres e, consequentemente, o estresse e a compulsão alimentar, e controlam o nível de colesterol.

Por isso, a fruta é uma boa opção para a alimentação pré-treino, já que é capaz de fornecer energia para todo o tempo de exercícios, e o momento é de grande gasto calórico.

Como consumir abacate para emagrecer

Papinha de abacate no pré-treino é um dos segredos da modelo para manter o corpo sequinho

A fruta pode ser acrescentada em saladas ou servir de base para cremes. Mas, no Brasil, seu uso mais comum é como ingrediente de vitaminas.

Óleo de coco no pré-treino

O óleo de coco é um alimento caracterizado como termogênico. Ou seja, ele acelera o metabolismo e fornece energia para a atividade física sem que o organismo acumule sua gordura.

Outras famosas, como Fernanda Souza e Bruna Marquezine, também apostam no componente antes de ir à academia: elas misturam o óleo de coco no café para ganhar mais pique para o exercício.

Benefícios do mel

Já o último ingrediente da bebida, de acordo com a nutricionista dos famosos Andréa Santa Rosa, além de ter menos calorias do que o açúcar refinado, ainda é rico em antioxidantes e nutrientes capazes de ajudar o organismo a se proteger de doenças cardiovasculares e até do câncer.

Mas, embora seja uma ótima substituição, o exagero também é um problema. “É recomendando consumir em mel a quantidade equivalente a 5% do total de calorias ingeridas ao dia, o que pode variar entre uma colher de chá, ou 10 gramas, a uma colher de sopa, ou 25 gramas”, recomenda a especialista.

Vimos em bolsademulher

Falando sobre isso

Leave a Reply