Por que tantas pessoas espirram quando olham para o sol?

Por que tantas pessoas espirram quando olham para o sol?

Você deixou um cinema escuro em um dia ensolarado e teve um inesperado ataque de espirros? Se sim, você não está sozinho. Um número surpreendentemente grande de pessoas tem esse reflexo estranha, onde um aumento súbito na intensidade da luz faz com que espirrem.

Esta condição é conhecida como impulso hélio-oftálmico.

Ela afeta até 33% da população dos EUA, com 67% dos casos ocorrendo em mulheres e 94% em pessoas de origem caucasiana, de acordo com um estudo de 1995 realizado pela Universidade do Alabama, em Birmingham. As evidências também dizem que o traço é parcialmente genético, então você pode até constatá-lo em um teste genético.

Então, o que é tudo isso?

É uma questão que até deixou perplexo o antigo filósofo grego Aristóteles há 2.300 anos, quando ele formulou a grande pergunta: “Por que o calor do Sol provoca espirros?”

A verdade é que há poucos estudos científicos sobre o assunto, uma vez que a síndrome é muitas vezes vista como um capricho humorístico, em vez de uma doença debilitante.

No entanto, a principal teoria diz que um caso de espirros solares pode ser causado por uma pequena falha no nervo trigêmeo. Um dos maiores nervos cranianos, ele carrega informações sensoriais para ramos separados em toda a face sob o olho, nariz, boca e mandíbula. Alguns dos espirros são causados por estímulo ao terminal do nervo trigêmeo na membrana mucosa da cavidade nasal.

Pessoas com esta patologia podem ter um tipo de “fiação cruzada” nesta área da rede nervosa, fazendo com que sinais inadvertidos cheguem em lugares onde não deveriam chegar. A teoria diz que a luz brilhante faz com que as pupilas em seus olhos contraiam. Este sinal nervoso “acidentalmente” excita a via nervosa, o que provoca um fluxo de muco a poucos centímetros de distância no nariz. Isso pode ser confundido pelo cérebro como uma irritação e, portanto, leva a um espirro.

Alguns sugerem ainda que poderia ser um traço evolutivo de nossos antepassados. Quando viviam em cavernas empoeiradas e mofadas, com fogo produzindo fumaça, um espirro poderia ser vantajoso por limpar as vias aéreas de patógenos e corpos estranhos. No entanto, isso é apenas especulação.

A verdade ainda permanece desconhecida. Mas depois de encontrar uma fonte perpétua de energia e curar todas as doenças conhecidas, os cientistas poderão dedicar seu precioso tempo para estudar essa patologia.

Este é um site de noticias,curiosidades e tratamentos,ele não substitui um especialista.Consulte sempre seu médico.

Falando sobre isso

Leave a Reply