“Procurando Dory”: 6 coisas para entender sobre o filme antes de ir ao cinema

Um dos filmes mais esperados (e fofos) do ano, “Procurando Dory” está quase estreando nos cinemas. O filme, que não é uma continuação de “Procurando Nemo”, vai mostrar a aventura da peixinha mais esquecida do mundo para reencontrar os rastros do seu passado.

O filme estreia no dia 30 de junho no Brasil, e para matar um pouco a ansiedade, reunimos seis coisas que você precisa saber antes de assisti-lo! Confira:

#1 O filme se passa seis meses depois do seu antecessor, e não treze anos, o tempo real que passou entre os dois filmes;

#2 Quando um novo trailer de “Procurando Dory” foi lançado em maio, alguns presumiram que o filme estava estrelando seu primeiro casal LGBT, em uma rápida imagem. A Pixar não comentou sobre o assunto, mas Ellen DeGeneres, que faz a voz da peixe, disse ao “USA Today”: “Eu não me importo com a pergunta, e eu não sei se é verdade ou não, ou se ela tem um corte de cabelo curto ruim. Quem sabe se ela é lésbica?”

#3 O filme promete resolver o mistério de onde a personagem aprendeu baleies, e o responsável por contar essa história é Andrew Stanton, que também foi quem dirigiu e roteirizou a animação de 2003.

#4 Marlin e Nemo vão aparecer no novo filme, mas não do jeito que você imagina. Originalmente, pai e filho tinham uma história paralela em “Procurando Dory”, mas ela não sobreviveu à mesa de edição, que achou que a aventura dos dois não se encaixava com a história de Dory. Por isso, a protagonista do filme com certeza vai ser a peixinha, e Marlin e Nemo ficarão como coadjuvantes dessa vez.

#5 Hank, um polvo mal-humorado de sete tentáculos vai ser a nova Dory. Ele é um dos primeiros personagens a cruzar o caminho na peixinha, e ele é meio antissocial, ou seja, a receita perfeita para uma linda amizade. Ele vai ser o comparsa de Dory na sua aventura em busca de seu passado.

#6 O diretor Andrew Stanton não pretende dar continuação a “Procurando Dory”. Ele já avisou que vê o filme como um ciclo completo, mas tudo pode mudar, já que ele disse a mesma coisa sobre “Procurando Nemo”, e “Procurando Dory nasceu treze anos depois.

Vimos em batanga

Falando sobre isso

Leave a Reply