QUANDO USAR O DESODORANTE

Quando você deve usar o desodorante? O hábito de aplicá-lo na manhã, depois de acordar ou antes de ir para o trabalho, está errado: seria preferível, no entanto, colocá-lo à noite. É o resultado de uma pesquisa que foi realizada na Universidade de Birmingham, que revelou que alguns produtos para o cuidado da pele e alguns remédios induzem uma melhor resposta do corpo e de maneira especial, do sistema imunológico, se não forem usados no início da manhã. Optando por outros momentos do dia, de fato, os seus efeitos secundários são reduzidos, enquanto que a sua eficácia aumenta. Esta categoria não cobre remédios para a saúde do coração, que – ao contrário – deveriam ser tomados somente no início da manhã, já que é o ritmo do coração que regula os movimentos do intestino e controla o seu metabolismo, os hormônios do sono e o funcionamento de todos os outros órgãos.

Sim, mas o que isso tem a ver com os desodorantes? Bem, estes produtos devem ser aplicados à noite, antes de ir para a cama, porque enquanto você dorme podem ter tempo de sobra para penetrar nos poros e, portanto, durar mais tempo.

manchas-desodorante Usando esta medida, a transpiração no longo prazo diminui e também durante o dia, há um abaixamento na produção dos cheiros mais desagradáveis. Em vez disso, o uso de desodorante de manhã é errado, porque neste momento do dia as chances de transpiração são mais elevadas, por exemplo, por causa do estresse ou outros estímulos emocionais: o resultado é que o corpo excreta de forma imediata o produto. Por outro lado, o mesmo conceito também é válido nos produtos para o cuidado da pele e para os cremes anti-envelhecimento.

Em resumo, a maioria das pessoas usam o desodorante do jeito errado: o que, sob um certo ponto de vista, é paradoxal e preocupante, especialmente quando se considera o fato que o desodorante é um produto que é usado todos os dias, ou quase, e que é um elemento essencial não só para a sua saúde, mas também para a maneira como você se relaciona com as outras pessoas.

chuveiro

Uma pesquisa realizada pela International Hyperhidrosis Society (Sociedade Internacional de Hiperidrose) revela como e quando aplicar corretamente os desodorantes e, especificamente aqueles baseados em sais de alumínio, que devem ser colocados em contacto direto com as glândulas sudoríparas: caso contrário, não podem ser absorvidos da pele.

Como mencionado acima, a melhor solução, também tendo em conta os elementos que constituem os desodorantes, seria aplicá-lo sobre a pele seca, à noite, talvez depois de passar do chuveiro. Ao dormir, de fato, a transpiração é muito limitada e há o risco que a axila possa se secar. Para evitar que os antitranspirantes tenham dificuldade em penetrar nas glândulas sudoríparas e que possam garantir os resultados desejados, depois do banho é preferível usar uma toalha limpa e seca para esfregar as axilas, para optimizar as condições de utilização do produto.

ir-para-cama

Fazendo assim, antitranspirantes terão a disposição, pelo menos oito horas, durante as quais deveriam penetrar no interior das glândulas sudoríparas.

Em conclusão, então, o desodorante não deve ser aplicado de manhã, mas à noite, de preferência depois de ter feito o banho e ter ficado debaixo do chuveiro: graças a esta solução, os seus efeitos vão durar por 24 horas e permanecerão até o dia seguinte. Um segredo que deve ser sempre considerado, independentemente do tipo de desodorante que você usa: aqueles perfumados cobrem e escondem os maus cheiros, mas seus efeitos não duram mais de cinco horas, enquanto os antitranspirantes são melhores, já que ajustam e controlam a transpiração em qualquer contexto, incluindo os momentos de forte estresse. Não deve ser subestimada, enfim, os desodorantes, antimicrobianos que têm a tarefa de conter a propagação das bactérias e os desodorantes absorventes, que em vez disso são capazes de absorver as partículas do suor as quais causam o aparecimento dos cheiros menos agradáveis.

Vimos em As Toupeiras

 

Falando sobre isso

Leave a Reply