Quatro alimentos naturais que são prejudiciais à saúde

Alimentos naturais nem sempre são benéficos para a saúde. Alguns nutrimentos têm fatores anti nutricionais.

Tais elementos interferem na digestibilidade, absorção ou utilização de nutrientes e, se ingeridos em altas concentrações, podem ser prejudiciais à saúde.

Seis alimentos que ajudam a evitar doenças crônicas
Neste sentido o site ‘Minha Vida’ divulgou uma lista de quatro alimentos naturais que podem colocar em risco o bem-estar do ser humano.

Carambola

alimentos_prejudiciais_2

A fruta é composta de ácido oxálica que em quantidade elevada na urina aumenta a formação de cálculos de cálcio renais. Assim, quando comida em excesso, a carambola pode causar pedras nos rins.

Castanha do Pará

Consumir além de seis castanhas do Pará por dia pode ser prejudicial para a saúde. Isto porque o alimento tem 542 mcg de selênio, aproximadamente 774% da recomendação diária.

O consumo exacerbado de castanhas pode levar o organismo a uma condição tóxica conhecida como selenose. Os sintomas incluem náuseas, vômitos, dor abdominal, fadiga, irritabilidade, descamação das unhas, perda de cabelo, mau hálito, distúrbios gastrointestinais e danos ao sistema nervoso.

Mandioca

alimentos_prejudiciais_4

A mandioca da espécie Mahihot Esculenta, mais conhecida como mandioca brava, representa um risco para a saúde.

O alimento é rico em glicosídeos ciano genéticos que liberam uma substância chamada ácido cianídrico que é responsável por causar cansaço, fraqueza muscular, agitação, falta de ar, confusão mental, convulsão, coma e até a morte.

É recomendado que o alimento seja consumido após ser submetido à temperaturas elevadas que destroem o efeito do ácido cianídrico.

Cogumelos

alimentos_prejudiciais_1

É importante ficar atento ao ingerir cogumelos. Cerca de 4 mil espécies são venosas. Os mais comuns são o shimeji, shitake, champignon, Portobello, cogumelo do sol, hiratake, cogumelo salmão e cogumelo rei.

Para evitar as espécies venenosas, é importante ter informações sobra a origem do cogumelo, dados sobre o produtor, número de lote, entre outros.

Vimos em https://catracalivre.com.br

Falando sobre isso

Leave a Reply