Segundo a ciência, o seu relacionamento pode ser perfeito se você seguir estes 6 passos

Talvez a ciência possa ajudar a prolongar o efeito das flechas de Cupido. Pesquisas recentes têm apontado algumas características que ajudam casais a manter uma boa relação. Estas características abrangem áreas que vão desde como lidam com sua comunicação até seus círculos de amizade. Reunimos a seguir seis dessas características:

1 – Resolvem os problemas frente a frente em vez de usar mensagens de texto

Embora as mensagens possam ser um jeito de manter contato durante o dia, trocar informações e até dar demonstrações de carinho, segundo pesquisadores da Universidade Young Brightam, dos Estados Unidos, na hora de pedir desculpas ou ter discussões importantes é melhor deixar a tecnologia de lado um pouco e investir no velho olho no olho.

 2 – Dividem as tarefas domésticas

Um estudo da Universidade da Califórnia em Los Angeles concluiu que casais que dividem as tarefas domésticas são, em média, mais felizes que aqueles que não o fazem. Provavelmente isso ocorre porque uma divisão justa das tarefas previne um monte de discussões e acusações mútuas.

3 – Não se casam e não têm filhos

 Essa evidentemente vai contra os planos de vida de muitas pessoas, mas segundo estudo conduzido pela The Open University, universidade de ensino à distância mantido pelo governo do Reino Unido, casais que não têm filhos e não se casam tendem a ser mais felizes do que os outros.

4 – São parecidos

Um estudo divulgado pelo jornal americano New York Times concluiu que casais parecidos em suas ambições e modos de ver a vida encorajam-se mutuamente e se sentem, em média, mais felizes que casais formados por pessoas muito diferentes.

5 – Têm níveis parecidos de consumo de álcool

Estudo conduzidos pelo Instituto de Pesquisa Buffalo, americano, chegou à conclusão que casais com hábitos diferentes de consumo de bebidas alcoólicas têm maior possibilidade de separarem que casais que têm relação parecida com o álcool etílico.

6 – Não possuem muitos amigos em comum

Dados levantados através do Facebook indicam que casais com poucos amigos em comum e que frequentam círculos sociais diferentes tendem a durar mais tempo.

 

Este é um site de noticias, curiosidades e tratamentos, ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Falando sobre isso

Leave a Reply