Te incomoda o barulho das pessoas comendo? Essa condição tem um nome

Nada te incomoda mais que pequenos ruídos e barulhinhos que as pessoas fazem? Se o som de alguém mastigando, cortando as unhas, escovando os dentes ou mascando chicletes está associado a reações de extrema movimentação psicológica para você, como raiva, irritação, terror, ódio e, em determinados casos, até pânico, todos misturados; você sofre de um transtorno conhecido como misofonia.

A palavra vem do grego, e significa aversão ao som. Para os misofônicos, o problema não é o caos sonoro. Há uma hipersensibilidade aos pequenos ruídos cotidianos. Essa desordem neurológica chamada Síndrome de Sensibilidade Seletiva do Som (SSSS ou S4), popularmente conhecida como misofonia, provoca uma ojeriza ou intolerância a alguns barulhinhos.

Essa situação pode causar intensa ansiedade nas pessoas que desenvolvem a misofonia, que acabam tendo um comportamento evasivo ou de isolamento social para evitar os conflitos. A síndrome, normalmente, apresenta seus primeiros sintomas no início da adolescência e tende a piorar com o tempo, incluindo variedades de sons à lista dos intoleráveis, como os ruídos de comer e respirar. A chegada da misofonia é inesperada e a condição é tão grave que algumas crianças simplesmente não aguentam se sentar à mesa ou ir à escola.

A doença só foi oficialmente reconhecida pela Organização Mundial da Saúde na década de 1990 e ainda não tem um tratamento eficaz. Os misofônicos acabam recebendo dezenas de diagnósticos médicos que variam de obsessivos compulsivos, bipolares a maníacos, com distúrbios de ansiedade, dentre outros.

Outras emissões sonoras mais específicas, como a repetição de algumas consoantes nas falas ou frequências amplamente repetitivas, também podem irritar quem sofre com esse transtorno. Além disso, essas pessoas também podem ser afetadas por estímulos visuais.

Vimos em Bolsa de Muller

Falando sobre isso

Leave a Reply