Um homem entrou na casa da ex-mulher com um rifle. Quando você vir o que ele fez em seguida, ficará chocado!

Rachael Moore mora em Brisbane, Austrália, com seus cinco filhos com idades entre 2 e 14 anos. Seus três filhos mais velhos são de um casamento anterior que terminou quando Rachel saiu de casa para escapar de um marido violento.

Quando Rachel conheceu Daryl alguns anos depois, ela decidiu tentar novamente. O casal se apaixonou e passou sete anos felizes criando os três filhos do primeiro casamento de Rachel e as outras duas crianças que tiveram juntos. Todas as crianças consideravam Daryl um pai e, até então, ele era paciente e amoroso. Mas um dia, para a supresa de todos, Daryl teve um ataque violento e agrediu Rachel fisicamente. Foi um incidente isolado, mas ela havia feito uma promessa de jamais ser vítima de violência doméstica novamente. Ela terminou o relacionamento imediatamente e disse a Daryl que ele tinha que sair de casa.

O casal conseguiu manter um relacionamento amigável pelo bem das crianças. Eles viviam separadamente, mas mantinham contato e tudo parecia estar indo pelo melhor caminho. Mas depois de um tempo, Rachel notou que o comportamento de Daryl começou a mudar. Uma dia ele tentou ligar para ela várias vezes e deixou mensagens ameaçadoras. Na noite daquele mesmo dia, quando Rachel escutou barulho de pneu cantado na entrada de sua garagem, ela soube exatamente quem era. Sabendo que as coisas iam ficar feias, Rachel pegou as crianças e se escondeu em um quarto. Enquanto estavam encolhidos no aposento, eles podiam ouvir a porta da frente ser arrombada e depois o som pesado dos passos de Daryl vagando pela casa.

Quando Daryl entrou no quarto, a família ficou chocada ao ver que ele estava carregando um rifle. Rachel tentou argumentar com ele e acalmá-lo, mas Daryl não ouvia. Ele ergueu o rifle e atirou no braço da ex-mulher duas vezes e a deixou inconsciente. Mas, surpreendentemente, quando parecia que toda a esperança estava perdida, os três filhos mais velhos de Rachel entraram em ação.

Cameron, de apenas 12 anos, foi o primeiro a reagir. Ele socou Daryl no estômago e conseguiu desarmá-lo e depois correu para o lado de fora da casa com o rifle para escondê-lo. Nesse momento, Jayden, 14 anos, assumiu o controle da situação e imobilizou Daryl com um mata-leão. Quando Cameron voltou para o quarto, os dois irmãos detiveram Daryl completamente e o deixaram inconsciente. Durante tudo isso, Kaylea, de 10 anos, conseguiu tirar a mãe do quarto em segurança, fazer um curativo nela e chamar a polícia.

Graças à impressionante coragem de seus filhos, Rachel sobreviveu ao ataque e Daryl agora está sob custódia esperando o julgamento por tentativa de homicídio.

Rachel foi levada para o hospital e, a princípio, não estava claro se ela precisaria ter o braço amputado, mas após várias operações, o braço dela foi salvo. Um dia depois desse terrível acontecimento, Rachel finalmente viu seus filhos novamente e conseguiu agradecê-los por terem salvo sua vida. Se não fosse pela incrível coragem das crianças, ela possivelmente não estaria aqui hoje.

Veja Rachel e seus filhos contando essa incrível história com suas próprias palavras neste vídeo (em inglês):

Os filhos de Rachel receberam medalhas de Orgulho da Austrália por seu heroísmo, mas eles raramente falam sobre si quando relembram aquela noite fatídica. Ao invés disso, eles pensam em sua mãe e o que poderia ter acontecido a ela. Todos eles estão assustados, mas vivos. E juntos ele podem seguir em frente e ser uma família feliz outra vez.

Vimos em naoacredito

Salvar

Salvar

Falando sobre isso

Leave a Reply